quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Da floresta para nossa beleza

Em minhas andanças pelo Brasil tive oportunidade de conhecer alguns cosméticos fabricados à partir de plantas, sementes, frutas e folhas da flora brasileira.
Especificamente, uns que comprei em Goiás, tem insumos coletados por comunidades ribeirinhas da Ilha do Marajó e é de lá que vem a matéria prima dos produtos das linhas brasileiras de empresas como, por exemplo, a L'OccitaneNatura.
A utilização de frutas exóticas e sementes da Amazônia, como acerola, açaí, cupuaçu, murumuru, maracujá, castanhas do Brasil e extratos de andiroba, copaíba, buriti além de espécies aromáticas e argilas nativas são os grandes apelos desse mercado, por isso o Brasil se mantém como principal fornecedor de matéria-prima.
 
O mais interessante é de onde vem a materia prima. O lixo chega nas praias de rio da ilha e junto com ele uma grande quantidade de sementes, como andiroba e castanha. Ricas em óleos, as semente, são usados nas indústrias de cosméticos, alimentos e farmacêutica. E foi da observação do que a maré traz que nasceram os projetos envolvendo, principalmente, as mulheres das comunidades de pescadores da ilha de Marajó. Atualmente, a empresa Beraca compra 500 toneladas de sementes da cooperativa por ano, beneficiando a renda de cerca de mil habitantes.
Eu adquiri os produtos em formatos artesanais que são indicados principalmente para manchas na pele:
Hidratante de Manteiga de Bacuri
Tem o poder de restaurar as camadas lipídicas da pele, hidratando e devolvendo a elasticidade natural. Por ser um poderoso cicatrizante dermatológico é muito utilizado em pós-cirurgias. Indicado para a pele cansada, sem brilho e com manchas, é muito eficaz no tratamento contra acnes e espinhas. Ótimo para tirar manchas escurecidas da pele, nas axilas, virilhas, entre as coxas e em algumas pessoas até manchas causadas pelo sol. As manchas causadas pela idade não somem totalmente, mas podem clarear bastante.
Hidrata profundamente.
Modo de usar: pode ser utilizada em todo o tipo de pele, aplicar diariamente à noite e retirar ao amanhecer, usar o sabonete de Pracaxi.
Sabonete Artesanal de Pracaxi
Embora seu nome não seja tão difundido quanto o de outras espécies da biodiversidade brasileira, o PRACAXI é uma árvore muito conhecida na região da Amazônia. O óleo extraído das sementes do pracaxi possui inúmeras propriedades cosméticas. Poderoso hidratante dermatológico, ele auxilia na renovação celular e é indicado no combate a estrias, manchas na pele e despigmentação.
 
1. ANDIROBA - Castanha de árvore das margens do rio Amazonas, de ação anti-inflamatória. A coleta dos frutos beneficia mais de 200 famílias da Ilha de Marajó. Seu óleo é usado em cosméticos para renovação cutânea e em repelentes como o Citronium, da Weleda.
2. MARACUJÁ - Fonte de ômega 6, as sementes da fruta dão origem a um óleo usado como matéria-prima de produtos para a pele e os cabelos. Em hidratantes como os da linha Ekos, da Natura, visa a controlar a oleosidade excessiva e proporcionar efeito aveludado.
3. GUARANÁ - Os pequenos frutos, colhidos em toda a Amazônia, são transformados em partículas de baixa abrasividade que removem impurezas. É utilizado em produtos de higiene pessoal, como o creme dental Sorriso Fresh Plus Menta + Guaraná.
4. MURUMURU - A coleta deste fruto de uma palmeira nativa beneficia 400 famílias da Zona Bragantina, no Pará. Produz uma manteiga de ação emoliente e nutritiva. Em sabonetes como o Lascas de Murumuru, da Natura, visa a aumentar a cremosidade da espuma.
5. AÇAÍ - As palmeiras de Igarapé-Miri são preservadas para coleta das frutas, fonte de ômega 6 e 9 e de vitamina C. Com ação antienvelhecimento, é matéria-prima de hidratantes como o complexo antioxidante de Açaí Biolage Delicate Care, da L'Oréal.
6. ARGILA BRANCA - Proveniente da Ilha de Marajó, onde é usada pelos índios - 26 famílias fazem a retirada do produto, regulada por órgãos ambientais. Em cremes como os da linha Rare Earth Pore Minimizing, da Kiehl's, promete limpeza profunda dos poros.
7. POLPA DE BURITI - Palmeira do Cerrado que frutifica após a safra do açaí e gera renda contínua para os extrativistas. Tem óleo rico em carotenoides, com ação antienvelhecimento. Usado em protetores solares, como o Fluido Solar Facial Alta Proteção Buriti, da L'Occitane

4 comentários:

  1. Renata, gostei mto do blog e já virei seguidora!

    Aparece no meu também e se gostar me siga, será um prazer!

    Bjus!

    http://desejosdeumafashionista.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Natural sempre faz bem né?
    Beijos

    http://www.vestidorodado.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Opaaa, seja bem vinda "Desejos de uma fashionista", fico feliz que tenha gostado do blog :-))) Bjos e volte sempre

    ResponderExcluir
  4. Oi Raquel,
    quando dá a minha opção é sempre por produtos mais naturais, já que a essência da vida passa por aí, né? Bjo

    ResponderExcluir