sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Coturno revisitado

É claro que como caçadora de tendências, eu já tinha reparado nas botas tipo coturnos com recortes no couro, isso desde 2011 quando a marca Balenciaga lançou o seu modelo pro mundo fashion. A tendência veio com o tempo se espalhando pelos Estados Unidos e Europa a ponto de marcas como Top Shop e Jeffrey Campbell, copiarem o modelo. E, é claro, que mais cedo ou mais tarde chegaria em terras tupiniquins.
As botas tem uma pegada pesada e não é todo mundo que se adapta ao estilo meio punk, meio rock and rool. Eu acho o máximo e não teria nenhum problema em desfilar com uma dessas por aí. Acho cool! Acho inclusive super interessante combiná-las com vestidos mais delicadinhos criando um jogo
de intenções.
.
Mesmo estando no verão, já mantemos um olho bem aberto pro lado do inverno 2013, sendo assim já fico aqui imaginado e pesquisando as novidades da estação. Até que... lendo um post no Modices, com a cobertura da Couromodas, feira de calçados e acessórios que aconteceu em São Paulo, olha com o que eu dou de cara. Pronto, a Cut Out Boots já chegou no Brasil pelas mãos da Miezko
As amantes do modelito modernoso já podem comemorar. Yeahh!!! \0/
Foto do Modices

2 comentários:

  1. Ai, não! Eu odeio botas "recortadas" com todas as minhas forças! Vejo a foto e penso: "Menina, porque você não pode simplesmente decidir entre usar uma bota OU uma sandália?" kkkkk Mas se a moda é democrática, tudo bem. Todo mundo deve usar o que lhe faz sentir linda e estilosa! Eu me sinto assim com o bom e velho coturno tradicional. ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk, faz sentido Debs. Mas se eu pudesse (e meu dinheiro desse) eu não abriria mão de colocar os pés num modelo desses. É muito estiloso, porém é mais uma dessas modinhas passageiras como o mullet, sneakers de salto alto é por aí vai.

      Excluir